quarta, 30 novembro 2016 21:07

[79,80.2016] PARAGEM OBRIGATÓRIA

Tenho a fotografia a cores para publicar há algum tempo. Estava num canto quase esquecida. Hoje decidi partilhar a versão a cores e a versão preto e branco, resultante duma captura com filtro infravermelho. Ambas feitas praticamente no mesmo momento, a diferença de tempo que as separa foi a troca dos filtros, tirar o Big Stopper e colocar o IR.
Era o dia do primeiro triatlo no Douro, para mim o primeiro dia na equipa de classificações. Fiz questão de chegar cedo ao destino, Folgosa do Douro, o local de paragem obrigatória quando visito a região do Alto Douro. Sabia de antemão que não teria outro momento para fotografar, queria aproveitar os primeiros raios de sol. Em vez de sol, o dia amanheceu com fumo.

Madrugar tem vantagens, estive à vontade a experimentar filtros e exposições, antes de começar a trabalhar.
Aqui utilizei o filtro infra-vermelho, exposição de 30 segundos, e em pós-edição passei a imagem para preto-e-branco.

A próxima imagem foi feita com o filtro Big Stopper para conseguir uma exposição mais longa, 20 segundos.

Publicado em Viseu
segunda, 23 maio 2016 20:35

EM TESTES

Não tenho feito muitas longas exposições, mais por falta de tempo do que de paciência. Quando as faço, procuro locais perto de casa, a maioria no mar ou ao longo do percurso do rio Âncora. Há locais que visito com frequencia, outros passam ao esquecimento, não por serem menos bons, o volume de imagens é tão grande que fazemos uma seleção automática, nem sempre de qualidade.
Há alguns anos estive num sítio a brincar com os filtros da Lee. Na semana passada, vi uma imagem na internet que me fez ir rebuscar a fotografia. Encontrá-la foi mais fácil que voltar, percorri o rio e não voltei. Decidida a fazer uma longa exposição, parei num qualquer recanto. Tive tempo para uns testes, antes de caírem os primeiros pingos de chuva, dos quais aproveito as duas imagens que se seguem.
Uma com o filtro Big Stopper e 110 segundos de exposição. A outra com um filtro densidade neutra 0,9 e menos de 1 segundo, tempo suficiente para se notar o movimento da água corrente.
Eu gosto de ambas, duas fotografias igualmente diferentes.

Publicado em Viana do Castelo
sábado, 21 novembro 2015 14:55

[DP] BEFORE THE NIGHT COMES

It's time to settle down. Calmly watch the sun disappear. I come back before the night comes.


O frio espreita, os dias diminuem, é tempo de parar e ver o sol esconder-se no mar.
Após muitos dias desligada das redes, regresso para o ultimo mês do ano. Espero que seja mais calmo do que os restantes, com menos ausências e menos viagens entre o norte e o sul.

Publicado em Conceptual
sexta, 20 março 2015 00:00

[DP] HIATUS

A brief hiatus to breath by the sea and refill my stamina.


Um pequeno hiato para respirar junto ao mar.

Publicado em Viana do Castelo
sábado, 31 maio 2014 15:35

GOOD MORNING

I love sleeping in the morning but it's undeniable that waking up early is energizing. It brings life to the new day!


Gosto muito de dormir de manhã mas é inegável que acordar cedo dá outra energia, o dia ganha vida!

 

 

Publicado em Viana do Castelo
segunda, 17 março 2014 08:37

OLD AGED

After travelling a few hundred kilometers and waiting for two hours for my ride, I still had time to see the night coming.


Depois de viajar umas centenas de quilómetros e esperar quase duas horas pela minha boleia, ainda houve espaço para ver a noite chegar, pelas lentes da objetiva.

 

Publicado em Santarém
quarta, 25 dezembro 2013 18:52

Common Picture

Fraga da Pena, Arganil


Beautiful places block my mind and turn my auto photography mode on.
I stood on the cold in a slippery rock, lost track of the minutes, doing the same pictures I had seen on postcards.
Though it is a common picture I don't resist sharing it with you.


Os lugares bonitos tem a particularidade de ligarem o meu modo automático de fazer fotografias.
Aqui, ouvindo a água cair, semi sentada numa rocha escorregadia, eu perdi a noção dos minutos. Absorta limitei-me a fazer os mesmos postais que, por intuição, todos tentamos fazer.

Publicado em Coimbra
domingo, 10 novembro 2013 21:34

The Sun Will Shine Again

DAILY PHOTO - THE SUN WILL SHINE AGAIN

Sunset, Vila Praia de Âncora


Together we watch the night come.
I will be the rock you hang on to.
You will be here until the the sun shines again.
Until you feel it warming your heart.
I will hold still like a rock and as you go,
I will feel peace taking me in its arms.
After you have gone, I will continue there...
Or maybe not. 


Juntos damos a mão à noite que chega.
Eu serei a rocha onde te agarras.
Estarás ao meu lado até o sol voltar a brilhar.
Até o teu o coração voltar a aquecer.
Ficarei parado, como uma rocha, enquanto te afastas,
Um sentimento de paz tomar-me-á no ar.
Depois de partires, eu continuarei ali... 
Ou talvez não.

Publicado em Viana do Castelo
sábado, 09 novembro 2013 21:36

Stormy Clouds

DAILY PHOTO - STORMY CLOUDS

Sunset, Praia da Gelfa


Stormy mind, a busy day with heavy rain. I spent hours staring at the screen, lots to do, nothing done. By late afternoon, briefly, the sun pierced the clouds and painted them yellow and orange. Did not last, the clouds thickened up and brought out the color from the day.


Mente agitada, um dia escuro, muita chuva. Passei horas a olhar o ecran, muito para fazer, nada feito. Ao fim da tarde, por instantes, o sol furou as nuvens e pintou-as de amarelo e laranja. Durou pouco, as nuvens adensaram-se e tiraram a cor ao dia.

Publicado em Viana do Castelo
sexta, 08 novembro 2013 21:50

To All of You

DAILY PHOTO - TO ALL OF YOU

Sunset, Vila Praia de Âncora


This picture is to all of you.
To you who stay by my side for hours waiting for the sunset not caring about the cold;
To you who call me just to say "hi";
To you who message me to alert about the great sky colors;
Even to you who might never read this or see my photographs.
But,
First of all, this picture is to me. 
A toast to freedom and the hability of doing what I love.


Esta imagem é para todos vós.
Para ti que ficas ao meu lado horas a fio à espera do por do sol sem te importares com o frio;
Para ti que telefonas apenas para dizer "olá";
Para ti que mensajas para alertar sobre as fantásticas cores do céu;
Até para ti que talvez nunca leias estas palavras nem vejas as minhas fotografias.
Mas,
Em primeiro lugar, esta imagem é para mim.
Um brinde à liberdade e à possibilidade de fazer o que amo.

Publicado em Viana do Castelo
Pág. 1 de 2